Como ter uma cultura inovadora? Como criar um ambiente propício à inovação? Essas são algumas perguntas que as empresas fazem quando se deparam com o tema “Inovação”. Muitas já nascem inovadoras, outras buscam por metodologias, processos e políticas para se tornarem inovadoras e continuarem competitivas no mercado.

Na Simply, utilizamos metodologias como o Design Thinking, Customer development, Lean startup e um plano de inovação. Trabalhamos esses temas através de workshop, SimplyTour (contextualização do ambiente de trabalho no primeiro dia do funcionário), ações internas e dos pilares da empresa.

Utilizamos os pilares da Simply como uma das ferramentas para fomentar a cultura inovadora em nosso ambiente. Os nossos três pilares são: Simples, novo e aplicado. Eles traduzem a nossa abordagem e tornam a inovação mais tangível.

O primeiro pilar é o “Simples”. Para nós, o complexo não funciona e o comum não interessa. Esse conceito faz parte da cultura e iniciativas empresariais da Simply. Uma frase que traduz essa abordagem é a do escultor grego Constanti Brancusi, ” Simplicidade é complexidade resolvida”.

Uma solução complexa consome tempo, esforço e dinheiro, enquanto que a simples é objetiva, econômica e eficiente. Por isso, pode ser mais difícil propor uma solução simples do que uma solução complexa. No desenvolvimento de um produto, por exemplo, precisamos nos colocar no lugar do usuário, calçar o “chinelo do cliente” e pensar na experiência do usuário para que o produto seja prático, usual e funcional. Utilizamos a metodologia do Design Thinking envolvendo os clientes e usuários no processo de desenvolvimento de soluções, para alcançarmos resultados mais criativos, eficientes e que tenham valor para o negócio.design-thinking

O nosso desafio é entender os problemas do mercado financeiro e transformar as tarefas, atividades e rotinas complexas em soluções simples. Por meio do pilar “Simples”, conseguimos introduzir o conceito de inovação de forma prática e tangível à nossa equipe. Experimente tirar a inovação do papel! Utilize metodologias, ações internas e transforme os conceitos e teorias em abordagens e pilares que possibilitam disseminar o objetivo da inovação e fomentar a cultura inovadora na empresa.

Artigos relacionados:

Bill Gates inspiram formandos de Stanford

Incentivo à inovação no Ciab Febraban

Como construir a sua confiança criativa

 

atomics-beta

Cadastre-se

RECEBA AS NOVIDADES SOBRE TECNOLOGIA E MERCADO BANCÁRIO