As Instituições financeiras tem crescido muito nos últimos anos e isso tem influência direta do desenvolvimento do setor de tecnologia. Assim, bancos têm investido bastante na otimização de processos por meio da tecnologia, automatizando certas práticas e melhorando a prestação de serviços.

Muitas vezes, entretanto, a falta de planejamento ou estruturação pode comprometer a tentativa de otimizar certas práticas, então é bom ficar atento a uma gestão de processos para se destacar no mercado financeiro.

Alguns dos erros são bastante comuns e hoje vamos apontá-los para você se prevenir.

1. Falta de investimento em tecnologias

O investimento em soluções de tecnologia é uma saída para resolver problemas no mercado. Muitas vezes, o gestor peca nessa área e acaba prejudicando o desenvolvimento do banco, que terá um menor suporte tecnológico para responder às mudanças do mercado.

O ideal é que o investimento em tecnologia seja uma constante, para que soluções sejam criadas com mais agilidade e oferecendo uma melhoria na qualidade do trabalho, tornando processos mais rápidos e equipes mais integradas.

É importante avaliar corretamente as necessidades buscadas, o modelo a ser implantado, bem como um mapeamento geral dos processos da instituição financeira.

ebook-panorama-mercado-bancario-nacional-internacional

2. Análise fraca das necessidades

Para que um gestor entenda quais os objetivos a serem alcançados pelo banco, é de vital importância que haja um mapeamento geral dos processos instituição, alcançando não só a própria visão, mas também as avaliações dos colaboradores.

Funcionários estão nos canais produtivos e podem oferecer feedbacks assertivos sobre suas áreas de atuação, facilitando definir os pontos a serem trabalhados para alcançar uma boa otimização de processos.

É necessária a compreensão correta dos processos e identificação dos problemas existentes, para que as soluções de tecnologia sejam assertivas.

3. Não adaptar os processos atuais à tecnologia

Otimizar os processos não é somente introduzir uma nova tecnologia. É necessário uma mudança na cultura da Instituição. Mapear um processo e utilizá-lo sem adaptar à nova realidade, é um dos erros comuns na otimização de processos. Se um determinado processo possui um gargalo, mesmo realizado de forma manual, a tecnologia irá acelerar esse gargalo.

Ao decidir automatizar atividades e otimizar processos, as Instituições precisam rever todos os processos em detalhes e adaptá-los à tecnologia.

4. Má disposição de tarefas e responsabilidades

Para haver um fluxo de processos constante dentro de qualquer instituição, cada pessoa deve saber quais são suas responsabilidades. Em um banco não seria diferente.

Não traçar uma linha de tarefas dentro da instituição pode gerar complicações para a prestação de serviços, por isso sempre defina as atribuições de cada funcionário. Isso cria um ambiente de trabalho mais sério e planejado em que cada um sabe o que deve fazer e como lidar com suas funções.

É uma boa prática criar uma forma de avaliação separada de cada processo, permitindo uma análise mais precisa de cada setor. Organogramas podem contribuir – e muito! – para aprimorar e otimizar os processos.

5. Falta de pesquisa de satisfação e análise de resultados

Todo estabelecimento presta um serviço que deve atender às expectativas de seus clientes da melhor maneira possível. Isso cria vínculo entre a instituição e a clientela, portanto também deve ser observado nos bancos.

Para que investir em uma boa gestão de processos, se não houver análise de resultados? Ouvir aqueles envolvidos nos processos permite a você encontrar os pontos fracos da empresa, mas também é importante saber o posicionamento dos clientes. Procure saber deles no que você pode melhorar e trace seu planejamento tentando corrigir as falhas.

E você? Tem buscado ideias novas de como fazer a otimização de processos na sua instituição financeira? Achou as nossas dicas úteis e pretende aplicá-las? Tem alguma outra tática que funcionou para você? Conte para nós deixando um comentário aqui no post!

Cadastre-se

RECEBA AS NOVIDADES SOBRE TECNOLOGIA E MERCADO BANCÁRIO